Indigo & Cristal

Indigo & Cristal
POR SERMOS ESPECIAIS
As crianças Índigo denunciam todas as estruturas fracas, frágeis e ultrapassadas existentes na sociedade actual. Com este trabalho os Índigo abrem caminho vibracional para os meninos Cristal. Estes continuarão depois o trabalho com energias mais subtis orientando o futuro de uma forma diplomata e amorosa.

Quando uma criança Índigo perde a ligação com a mãe Terra, perde o seu centro e por isso o seu equilíbrio. Deve nessa altura fazer uma meditação. Utilize sons da natureza para o ajudar a estabelecer a ligação o mais rápido possível. Repita o exercício várias vezes por semana e se possível sempre a mesma hora. Sobre tudo dê o exemplo, já que é por exemplo demonstrado que pode conseguir com paciência que este exercício passe a fazer parte integrante do dia a dia da criança ou jovem adolescente.

Uma criança Cristal perde o centro se exposta a situações que provocam o encerramento do chakra do coração, ou exposta a situações que perturbem gravemente o seu sistema emocional. Para equilibrar o seu sistema, este deve ficar mais tempo ligado à natureza.

A vibração índigo, centrada no 3º chakra tenta estar em contacto com tudo o que o rodeia e tem a capacidade de perceber tudo com verdade. A vibração Cristal quer deixar o individual e mudar para a perspectiva grupal, estão centrados no chakra do coração. A criança Cristal está centrada no coração por isso mais perto das emoções.

Tem um estreito contacto com tudo o que vive e se manifesta no planeta.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

FIOLOSOFIA DA ERA DE AQUÁRIUS

O objetivo da filosofia Nova Era é reconciliar todos os opostos: a ciência e o ocultismo são colocados no mesmo nível, todos os valores éticos desmoronam, o bem e o mal já não mais existem. Tudo é uma coisa só. Deste ponto de vista, entende-se também o a tendência à síntese das religiões.
OS OBJETIVOS E PLANO DO MOVIMENTO NOVA ERA.
O “plano”, o qual foi transmitido a Alice Baileys, consiste no estabelecimento de uma Nova Ordem Mundial, de um Novo Governo Mundial e de uma Nova Religião Mundial. O objetivo político principal do movimento principal do movimento é o domínio do mundo pela união e pela paz. “A dissolução de nações individuais, no interesse da paz e da conservação da humanidade”, é propagada abertamente.
Enquanto no campo místico a Era de Peixe foi marcada pelo monoteísmo, a de Aquários será pelo Unismo.A nova Era ensina que tudo é Deus. Que Deus não é uma pessoa, mas uma consciência universal. Os adeptos crêem que os homens, animais, vegetais e minerais fazem para da divindade. Consideram a Terra como uma divindade, a quem chamam de Mãe-Terra.
Em 1789, acontece na França o maior levante de massa até então conhecido. Burgueses, camponeses e a camada pobre de Paris se rebelam contra a Monarquia Absolutista, que alimentava uma forte concentração de renda e terras nas mãos do clero e da aristocracia. Era o início da Revolução Francesa, um dos principais acontecimentos da história universal, sendo considerada o marco inicial da Idade Contemporânea. Trazendo como lema os ideais iluministas de igualdade, liberdade e fraternidade, a Revolução Francesa pôs fim ao Antigo Regime, levando ao poder a burguesia, que representava 95% da população. Para grande parte dos astrólogos, este foi um dos primeiros sinais da Era de Aquário. De lá pra cá, várias outras revoluções se sucederam, guerras aconteceram, o capitalismo se expandiu, os transportes e os meios de comunicação se desenvolveram e a globalização vem se consolidando a cada dia. Tais fatos indicam claramente os sinais da Nova Era, apesar de astronomicamente a passagem só vir a acontecer daqui a algumas dezenas de anos. "Estamos vivendo um momento de transição entre as Eras de Peixes e Aquário", é o que
afirma a maioria dos astrólogos. Com essa mudança de era, já se sente uma quebra de valores antigos, levando a humanidade a rever os conceitos sociais, econômicos, políticos, e, acima de tudo, pessoais. "Em Aquário, é onde o ser humano percebe que sua trajetória pessoal é também parte de uma trajetória coletiva, refletindo não apenas sobre sua pequena estória, mas sobre a história de nossos semelhantes, aprendendo com ela", comenta o astrólogo Antônio Carlos Harres (Bola).
Bola lembra, entretanto, que há sempre em cada Era uma crise provocada pelo excesso de um pólo em detrimento do oposto. “Na Era de Peixes” tivemos um misticismo que derivou para um fanatismo religioso. O idealismo e os sonhos de um mundo perfeito e nivelado desabaram na intolerância, na perseguição e no genocídio. Em Aquárius a globalização pode destruir as identidades, pessoais e até mesmo as nações. Há também quem acredite que esta seja uma época de farsas, onde a mentira e o egoísmo predominam. "Estamos vivendo numa era verdadeiramente terrível. O número de coisas que dá para saber e utilizar como orientação é muito pequeno. A humanidade sempre soube mais ou menos o que estava acontecendo, as decisões de reis e príncipes não eram mistérios inimagináveis. Hoje são. As pessoas poderosas estão distantes, cercadas por muros e muros de segredos e mentiras. Os instrumentos de ocultação são monstruosos. Mais do que na era da informação, estamos na da ocultação", opina o filósofo e astrólogo Olavo de Carvalho.
Outros são mais esperançosos. "Que estes tempos vindouros sejam menos dogmáticos e mais democráticos, com a revolução da tecnologia funcionando como instrumento de democratização da informação e do conhecimento", deseja o astrólogo Waldemar Falcão.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Loading...